Uma garota, um caderno.

Mais uma vez.

Posted on: 03/02/2013

decoracao-online

 

E vem mais uma vez aquela sensação de falha. Aquela sensação, ou melhor, certeza de que você ficou para trás. Todo mundo, está seguindo em frente, menos você.

Sempre a menos sortuda, sempre a segunda, sempre a que está errada, sempre a que tirou a menor nota. Você nunca é melhor em nada. Ninguém nunca te notou por seus talentos. Você tem talento?

É como se você tivesse pisado em chiclete e tivesse que caminhar arrastando o pé para poder tirá-lo enquanto todos olham e riem de você.  E eu odeio me sentir assim. Odeio sentir que sou o fracasso do grupo. Aquela a que todos olham esperando por algo novo, mas você não tem nada para contar enquanto todos estão com seus namorados ou namoradas, todos estão entrando para a faculdade, tirando boas notas, sendo os melhores e você nunca é.

Parece que não tem um lugar para se destacar, porque já existem melhores do que você. E você só mais uma. E eu não quero ser só mais uma. Não quero ser mais uma pessoa andando na rua. Só que eu não sei mais o que fazer.

Porque eu não sou boa em mais nada além disso e sinto que até isso está sendo tomado de mim. Porque eu não sou boa o bastante.

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Luana Bastos, paulistana de 19 anos que ama escrever. Viciada em Internet, livros e séries, sempre dá um jeito de assistir a mais um episódio de Doctor Who, mesmo que já tenha assistido tantas vezes que já decorou as falas.

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Luana Bastos

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

%d blogueiros gostam disto: