Uma garota, um caderno.

Archive for the ‘Séries’ Category

The-Following-Series-Fox

 

É, parece que 2013 está começando bem para as séries.

Lançada nesta segunda na FOX americana, a série “The Following” ja chegou causando polemicas.

A história apresentada é sobre Ryan, um ex-agente do FBI que foi afastado após a perseguição e prisão de um assassino em série que causou terror no estado da Virginia. 8 anos depois da prisão, o assassino escapa só que desta vez ele parece não estar agindo sozinho e faz com que Ryan reviva seus pesadelos e problemas.

A série foi considerada muito violenta (violenta mesmo, fica a dica!) e chega as TVs americanas logo após o massacre em Connecticut, que ocorreu no final do ano passado, onde um atirador matou 20 crianças em uma escola.

Tenho que concordar que fiquei bastante chocada com a violencia apresentada na série, honestamente, esperava que fosse mais um clichê policial bem no estilo Law and Order e CSI, o que não é.  Apesar da polemica, o suspense ao redor das personagens é incrivel e mal posso esperar pelo segundo episódio!

No Brasil, a série tem previsão de lançamento no Warner Channel.

Vamos ver se o criador Kevin Williamson consegue nos chocar ainda mais!

 

Anúncios

The-Carrie-Diaries-poster-kis_large

Estreiou na semana passada a série “The Carrie Diaries”, uma das mais esperadas do ano.

A série conta a história de Carrie Bradshaw, como ela mesma narra, antes do sexo e antes da cidade. O ano é 1984 e Carrie, ainda no Ensino Médio, tem que lidar com a morte recente da mãe, relacionamentos e amigos.  E ainda tenta realizar seu maior sonho, que é ir para Nova York e fazer parte de todo o glamour que ronda a cidade.

Fazia algum tempo que eu não conseguia assistir a uma série “high school”, por não ter paciencia ou vontade, mas estou adorando a série. O segundo episódio saiu essa semana e conseguiu balancear o ritmo que fica entre Carrie na escola e com a familia e Carrie em Nova York, tentando se dar bem no estagio que seu pai lhe arrumou.

Os looks e a trilha sonora são maravilhosas, principalmente por ter se mantido fiel á época e sem perder todo aquele glamour que Sex and the City e Carrie tem.

Agora, os whovians de plantão vão reconhecer um rostinho que aparece bastante:  Freema Agyeman, que interpretou Martha Jones na terceira e quarta temporada da série, da vida á Larissa Loughton, editora de moda da revista preferida de Carrie.

The Carrie Diaries é exibida nos Estados Unidos pelo CW e não tem previsão de lançamento aqui no Brasil.

14jan2013---claire-danes-recebe-o-globo-de-ouro-de-melhor-atriz-de-serie-dramatica-1358142071141_956x500

Aconteceu ontem em Hollywood a 70º edição do Globo de Ouro, uma das mais importantes premiações da TV e do cinema e que já nos dá uma ideia do que vai acontecer no Oscar.

Com mais ou menos duas horas de duração, a premiação fez grande vencedores como Clare Daines, Os Miseraveis  e Adele.

Dá uma olhadinha na lista completa de categorias e seus vencedores:

Melhor filme – Drama
“Argo” (2012)
“Django Livre” (2012)
“As Aventuras de Pi” (2012)
“Lincoln” (2012)
“A Hora Mais Escura” (2012)

Melhor filme – Musical
“O Exótico Hotel Marigold” (2011)
“Les Misérables” (2012) Quem duvidou que ia ganhar? 
“Moonrise Kingdom” (2012)
“Amor Impossível” (2011)
“Seven Psychopaths” (2012)

Melhor ator – Drama
Daniel Day-Lewis, “Lincoln” (2012)
Richard Gere, “A Negociação” (2012)
John Hawkes, “The Sessions” (2012)
Joaquin Phoenix, “The Master” (2012)
Denzel Washington, “Flight” (2012)

Melhor atriz – Drama
Jessica Chastain, “A Hora Mais Escura” (2012)
Marion Cotillard, “Ferrugem e Osso” (2012)
Helen Mirren, “Hitchcock” (2012)
Naomi Watts, “O Impossível” (2012)
Rachel Weisz, “The Deep Blue Sea” (2011)

Melhor ator – Musical ou comédia
Jack Black, “Bernie” (2011)
Bradley Cooper, “O Lado Bom da Vida” (2012)
Hugh Jackman, “Les Misérables” (2012) Mais um ponto para os Miseráveis!
Ewan McGregor, “Amor Impossível” (2011)
Bill Murray, “Hyde Park on Hudson” (2012)

Melhor atriz – Musical ou comédia
Emily Blunt, “Amor Impossível” (2011)
Judi Dench, “O Exótico Hotel Marigold” (2011)
Jennifer Lawrence, “O Lado Bom da Vida” (2012) E Jen bateu Maggie Smith e Meryl Streep. Um beijo!
Maggie Smith, “Quartet” (2012)
Meryl Streep, “Um Divã para Dois” (2012)

Melhor ator coadjuvante
Alan Arkin, “Argo” (2012)
Leonardo DiCaprio, “Django Livre” (2012)
Philip Seymour Hoffman, “The Master” (2012)
Tommy Lee Jones, “Lincoln” (2012)
Christoph Waltz, “Django Livre” (2012) Leo perdeu para um colega do próprio filme. #chatiado.

Melhor atriz coadjuvane
Amy Adams, “The Master” (2012)
Sally Field, “Lincoln (2012)
Anne Hathaway, “Les Misérables” (2012) Lindo o discurso da Anne! 
Helen Hunt, “The Sessions” (2012)
Nicole Kidman, “The Paperboy” (2012)

Melhor diretor
Ben Affleck, “Argo” (2012) Não gosto do Ben Affleck, então nem eu esperava por essa!
Kathryn Bigelow, “A Hora Mais Escura” (2012)
Ang Lee, “As Aventuras de Pi” (2012)
Steven Spielberg, “Lincoln” (2012)
Quentin Tarantino, “Django Livre” (2012)

Melhor roteiro
“Amour” (2012): Michael Haneke
“Django Livre” (2012): Quentin Tarantino. Taratino é divo, beijos!
“Lincoln” (2012): Tony Kushner
“O Lado Bom da Vida” (2012): David O. Russell
“A Hora Mais Escura” (2012): Mark Boal

MELHOR FILME ESTRANGEIRO
“Intocáveis”
“Ferrugem e Osso”
“Amour”
“A Royal Affair”
“Kon-Tiki”

MELHOR FILME DE ANIMAÇÃO
“A Origem dos Guardiões”
“Valente”. Muito feliz por Brave! Ruivos dominam! 
“Frankenweenie”
“Hotel Transilvânia”
“Detona Ralph”

MELHOR CANÇÃO ORIGINAL EM UM FILME
“For You” – “Ato de Valor”
“Not Running Anymore” – “Stand Up Guys”
“Safe & Sound” – “Jogos Vorazes”
“Skyfall” – “Operação Skyfall.  Alguém viu a cara da Taylor quando a Adele subiu no palco? 
“Suddenly” – “Les Misérables”

Melhor trilha sonora
“Anna Karenina” (2012): Dario Marianelli
“Argo” (2012): Alexandre Desplat
“A Viagem” (2012): Reinhold Heil, Johnny Klimek
“As Aventuras de Pi” (2012): Mychael Danna. To pensando em assistir. Alguém ja assistiu por aqui? 
“Lincoln” (2012): John Williams

MELHOR ATRIZ EM SÉRIE DE TV – DRAMA
Connie Britton – “Nashville”
Glenn Close – “Damages”
Claire Danes – “Homeland”. Muito merecido, pois a Claire é foda! 
Michelle Dockery – “Downton Abbey”
Julianna Margulies – “The Good Wife”

MELHOR SÉRIE DE TV – MUSICAL OU COMÉDIA
“The Big Bang Theory”
“Episodes”
“Girls”. Outra que mereceu. Fiquei tão feliz, apesar de estar torcendo para TBBT.
“Modern Family”
“Smash”

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE EM SÉRIE, MINISSÉRIE OU FILME PARA TV
Hayden Panettiere – “Nashville”
Archie Panjabi – “The Good Wife”
Sarah Paulson – “Virada no Jogo”
Maggie Smith – “Downton Abbey: Segunda temporada”. 
Sofia Vergara – “Modern Family”

MELHOR MINISSÉRIE OU FILME PARA TV
“Virada no Jogo”
“The Girl”
“Hatfields & McCoys”
“The Hour”
“Political Animals”

MELHOR ATRIZ EM SÉRIE DE TV – MUSICAL OU COMÉDIA
Zooey Deschanel – “New Girl”
Julia Louis-Dreyfus – “Veep”
Lena Dunham – “Girls”. Morri com o discurso da Lena! 
Tina Fey – “30 Rock”
Amy Poehler – “Parks and Recreation”

MELHOR ATOR COADJUVANTE EM SÉRIE, MINISSÉRIE OU FILME PARA TV
Max Greenfield – “New Girl”
Ed Harris – “Virada no Jogo”
Danny Huston – “Magic City”
Eric Stonestreet – “Modern Family”
Mandy Patinkin – “Homeland”

MELHOR ATOR EM SÉRIE DE TV – MUSICAL E COMÉDIA
Don Cheadle – “House of Lies”. Não gostei, o Jim merecia mais! 
Alec Baldwin – “30 Rock”
Louis CK – “Louie”
Matt LeBlanc – “Episodes”
Jim Parsons – “The Big Bang Theory”

MELHOR ATOR EM SÉRIE DE TV – DRAMA
Steve Buscemi – “Boardwalk Empire”
Bryan Cranston – “Breaking Bad”
Jeff Daniels – “The Newsroom”
Jon Hamm – “Mad Men”
Damien Lewis – “Homeland”. Mais um ponto para Homeland! #orgulho

MELHOR SÉRIE DE TV – DRAMA
“Breaking Bad”
“Boardwalk Empire”
“Downton Abbey”
“Homeland”. Sem comentários. Homelando também ganhou varios Emmys, prova do sucesso da série!
“The Newsroom”

MELHOR ATRIZ EM MINISSÉRIE OU FILME PARA TV
Nicole Kidman – “Hemingway & Gellhorn”
Jessica Lang – “American Horror Story: Asylum”
Sienna Miller – “The Girl”
Julianne Moore –  “Virada no Jogo”
Sigourney Weaver –  “Political Animals”

MELHOR ATOR EM MINISSÉRIE OU FILME PARA TV
Kevin Costner – “Hatfields & McCoys”. Não gostei, estava torcendo para o Ben! 
Benedict Cumberbatch – “Sherlock”
Woody Harrelson – “Virada no Jogo”
Toby Jones – “The Girl”
Clive Owen – “Hemingway & Gellhor.

E ai, pessoal por quem vocês estavam torcendo? Quem vocês acham que merecia mais? Vamos polemizar!

tumblr_lcqw0yMgRg1qed4dpo1_500

A dor tomava conta de seus movimentos. Já não conseguia enxergar bem. Sabia que iria morrer e não lhe faltava muito.

Algo havia feito tudo dar errado. Camelot foi tomada. Arthur estava vivo e agora ela jamais teria seu lugar ao trono. Seu lugar por direito, afinal ela era a irmã mais velha. Ela tinha todo o direito de governar.

Sua magia não funcionava e ela não entendia o porque. Nos meses de reclusão, tinha ficado tão poderosa e tudo se foi em um piscar de olhos. Como se não tivesse mais escolha. Como se não pudesse mais lutar.

Mas, ela estaria morta em alguns segundos, disso ela tinha certeza.

Deu-se conta de que estava na floresta, ja bem longe do castelo.

Sem mais forças para prosseguir, caiu no chão e deixou que sua vida se esvaisse. Não teria mais que lutar. Não teria mais que perder.

Não teria que ver Arthur sendo o Grande Rei e Gwen a Grande Rainha de Camelot. Não teria que ver as pessoas como ela sendo caçadas e mortas, como foram a tantos anos quando Uther estava no poder. Estava tão cansada de lutar e não chegar a lugar algum.

Fechou os olhos e sentiu seu ultimo suspiro se esvaindo.

Então, o ar congelou e foi como se o tempo parasse. Sentiu que a floresta se movia e que ela era levada para algum outro lugar.

Então morrer era assim?

Mas, ela não parecia morta. A dor em suas costelas havia sumido. Não sentia mais a respiração pesada como se precisasse de um grande esforço para tal.

Lentamente abriu os olhos.

Não estava mais na floresta, mas sim em um lugar completamente diferente. Uma sala cheia de botoes, controles e barulhos malucos.

Uma sombra se aproximou, mas Morgana não sentiu medo.

Um homem magro, alto, com roupas esquisitas e uma gravata borboleta a fitou com olhos tão tristes e velhos que ela sentiu seu coração se desmanchar. Teve certeza de que aquele homem não a machucaria.

-Ola Morgana Pendragon, achei que precisaria de ajuda.

Ok, contei que comecei a assistir Merlin e acontece que estou amando a Morgana. Ela é diferente da Morgana que conheci pelas “Brumas de Avalon”, mas isso não a deixa menos incrivel. Então, aqui está minha playlist em homenagem a ela:

merlin

 

Quem acompanha os top 5 semanais sabe que recentemente falei da série, que chegou ao fim mês passado. Bom, agora chegou a hora de dar um espacinho mais á Merlin e contar um pouco mais sobre a série.

A série acompanha as aventuras do mago Merlin quando ele ainda é adolescente e acaba de se mudar para Camelot, onde o rei Uther proibe a magia em todas as suas formas. Merlin acaba se metendo em varios problemas para tentar esconder suas raizes e quem realmente é, principalmente porque se tornou ajudante do principe Arthur.

No Brasil, a série é conhecida como “As Aventuras de Merlin” e é exibida no HBO Family e no Sony Spin. Infelizmente, a  BBC a cancelou devido a sua grande infamidade. Brincadeira, mas a série era muito boa então eu acho mancada ser cancelada, principalmente por ter uma audiencia muito boa.

Conheci a série pelo Tumblr (claro!) e até não me chamava muita atenção, mas aos poucos comecei a ver alguns photosets e assisti ao pilot. Gostei bastante, mas acabei deixando de lado. Apenas agora que a série chegou ao fim que acabei retomando e ainda estou na primeira temporada. (Então, sem spoilers! Apesar de eu ja saber o que acontece no final da quinta temporada… #feels)

Então, quem quiser é só buscar por um bom site que tenha todas as temporadas para assistir tanto online quando para download e preparem seus lencinhos, porque assim como algumas outras séries (ouviu, Moffat?) a série é um pouquinho heart breaking com seus personagens.

dw-thesnowmen1_large

 

Como em todo episódio escrito por Steven Moffat, eu não esperava que fosse acontecer o que aconteceu.

Continue lendo »


Luana Bastos, paulistana de 19 anos que ama escrever. Viciada em Internet, livros e séries, sempre dá um jeito de assistir a mais um episódio de Doctor Who, mesmo que já tenha assistido tantas vezes que já decorou as falas.

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Luana Bastos

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.