Uma garota, um caderno.

Posts Tagged ‘nostalgia

tumblr_mgep2ogTfu1r9x5zio1_1280_large

É tão estranho perceber o quanto o tempo passou. Hoje me dei conta de que vou fazer 20 anos.

É muita coisa e ao mesmo tempo, não é nada.

É como uma longa caminhada que ainda está no começo e eu tenho tanta coisa para aprender. Tanta coisa para viver, para acontecer.

Mas, ao mesmo tempo me sinto tão velha. Tão adulta. E eu nem sei se o que estou fazendo é a coisa certa ou se estou apenas agindo como uma garota que quer tudo na hora.  É como se uma explosão acontecesse dentro de mim, mas ao mesmo tempo tudo estivesse calmo e tranquilo.

Devo estar enlouquecendo.

Quando era criança, não via a hora de chegar esse momento. Essa hora de ser adulta, de ser autossuficiente e independente. E agora, me dou conta de que todas aquelas decisões que queria tomar ja estão paradas na minha frente, apenas esperando por uma resposta.

Ir ou ficar? Querer ou não querer? Se fechar ou sair um pouquinho da concha?

É, estou ficando velha.

Anúncios

tumblr_mfwz9tEXeB1rm9t68o1_400_large

Ja reparou que dia 31 de dezembro sempre chega com uma sensação estranha?

É o ultimo dia do ano e dá uma impressão de que não há mais nada depois disso. Mas, nós sabemos que não acabou. Sabemos que amanhã o Sol nascerá mais uma vez, que mais uma vez vamos acordar (alguns de ressaca) e vamos continuar nossas vidas. Não normalmente, já que nós sabemos que o ano já não é mais o mesmo, mas as coisas vão continuar caminhando como sempre. Para rumos bons e ruins, para novas e antigas sensações e para o desconhecido.

Nenhum dia é como o outro.

Nenhum de nós é igual ao outro.

Hoje terminamos tantas coisas e amanhã iniciaremos tantas outras mais.

Eu sei que isso soa como nostalgia. É nostalgia, mas essa é a sensação que me bate quando vejo que faltam menos de cinco horas para o fim de 2012.

E é nessas poucas horas restantes que agradeço a todos vocês que passam aqui no blog e que me apoiam e leem esses posts, as vezes sem sentindo. E que em 2013, tenhamos muito mais posts sem sentido também.

Que você ame, ria, chore, se apegue, se desapegue. Que você viva.

Que você tenha um 2013 tão unico, quanto eu espero que seu 2012 tenha sido.

Então, neste ultimo post do ano, eu apenas desejo que você seja feliz.

 


Luana Bastos, paulistana de 19 anos que ama escrever. Viciada em Internet, livros e séries, sempre dá um jeito de assistir a mais um episódio de Doctor Who, mesmo que já tenha assistido tantas vezes que já decorou as falas.

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Luana Bastos

Erro: Assegure-se de que a conta Twitter é pública.